Sou pró-vida, como posso ajudar?

Pesquisas apontam que mais de 80% dos brasileiros são a favor da vida. Entretanto, uma militância abortista tem usado de propaganda massiva para tentar afetar a opinião, a educação e alterar leis.  Muitos brasileiros, sem concordar com isso, veem a urgência de imunizar o país contra essa enxurrada.

Por isso, é preciso propagar ações e informações que defendam o direito à vida do nascituro, que reconheçam o valor da maternidade e que promovam uma cultura de acolhida e proteção à grávida e ao bebê em gestação – especialmente quando esses se encontram em situação de risco e vulnerabilidade. As formas de atuação são múltiplas, abaixo trazemos algumas sugestões de como fazer isso.

Mostra de Filmes Pró-Vida

Uma forma muito simples de despertar a consciência e educar as pessoas sobre o valor da vida humana desde a concepção e a importância de proteger a gestante é através de filmes. Uma mostra de títulos pró-vida na igreja, na escola, ou entre amigos pode ser uma excelente forma de instrução. Algumas recomendações são:

Educação

Estude livros, artigos e sites pró-vida. Veja palestras e vídeos que esclareçam o tema e promovam a verdade. Se possível, faça isso em grupo. Ao conversar sobre esses conteúdos com outras pessoas, traçar metas e planos de estudo, todos têm um melhor entendimento e se animam mutuamente a seguir adiante.

Divulgue esses conhecimentos

Esses conteúdos, além de assimilados, precisam ser pró-ativamente expandidos para que mais pessoas conheçam e sejam imunizadas contra a cultura da morte. Isso pode ser feito com uma aula pró-vida na catequese da sua paróquia, uma palestra pró-vida numa escola que você tenha acesso, um estande montado em um evento de bairro, uma conversa com um amigo…

Voluntarie

Caso você conheça e tenha acesso a alguma organização pró-vida, una-se a eles!

Pessoas que estão neste campo já testaram e aprenderam o caminho para as melhores soluções. Com elas, você será formado e treinado para contribuir também.

Além disso, por mais eficientemente que você trabalhe sozinho, o resultado do trabalho em equipe é sempre mais eficaz. A diversidade de talentos faz com que se atenda mais completa e integralmente as necessidades, e por isso, se alcancem melhores resultados.

Seja um Benfeitor

Mesmo sem voluntariar, é possível acudir enormemente gestantes que, desemparadas pela família e pelo estado, precisam de ajuda.

Há associações que se dedicam a atender gratuitamente mulheres grávidas em crise, oferecendo cuidados específicos para aquelas que consideram o aborto.

Esse suporte ocorre de acordo com a necessidade da mãe; podendo ser material, jurídico, médico, psicológico ou espiritual.

Dóris Hipólito tem realizado um lindo trabalho de socorro àquelas mães que estão mais abandonadas e esquecidas pela sociedade. Mesmo sem morar no Rio, você pode fazer parte desse trabalho de salvação de vidas – não só da criança, mas também da mãe – ao doar fundos para o sustento desta obra. Para saber mais como, clique aqui.

Obras de Caridade

Você também pode fazer uma campanha na igreja, no trabalho, numa associação de vizinhos ou na sua escola para recolher roupas para bebê; você pode criar eventos para arrecadação de fundos para compra de artigos infantis (como fraldas e mamadeiras) e direcionar esses itens para uma iniciativa pró-vida ou para alguma gestante carente que você mesmo conheça.

Acolhida da Gestante em crise

Há pessoas que se sentirão tocadas a trabalhar diretamente com mulheres grávidas em crise; oferecendo a elas amizade, aconselhamento, apoio emocional e psicológico, rezando, acompanhando e auxiliando nas necessidades que ela possa ter.

Assuma sua identidade pró-vida!

Seja defensor e promotor da vida na universidade, no trabalho, no Facebook… Ao divulgar informações, idéias, opiniões e formação você contribui para que outras pessoas não sejam manipuladas pela avalanche da propaganda abortista e reconheçam o valor da vida.

Vote em políticos pró-vida

E cobre deles essa postura!

Neste momento em que o governo brasileiro enfrenta grande pressão internacional para legalização do aborto, é de suma importância que todo brasileiro seja politicamente atuante. Mostre seu apoio aos políticos pró-vida e faça os demais saberem a sua vontade como cidadão brasileiro. O que estamos defendendo hoje é o direito mais básico de todos: o de viver.

Seja especialmente gentil com gestantes e mães com crianças que você encontra no seu dia-a-dia

Se você está sentado e ela de pé (no ônibus, no posto de saúde, no banco…), seja gentil e ceda seu lugar. Se houver qualquer outra oportunidade de fazer a vida de uma mãe mais fácil, faça!

O reconhecimento do valor da maternidade inclui pequenos gestos de educação e gentileza que são de fundamental importância para uma cultura da vida no nosso país.

Nunca me esquecerei de quando esperava com meu bebê de nove meses um vôo atrasado no aeroporto. Um senhor de uns cinquenta anos se aproximou e disse: “Estou sentado logo ali. Se você precisar de qualquer coisa, se estiver cansada e quiser que segure seu bebê um pouquinho, se precisar de qualquer coisa, é só me avisar.”

Realmente estava muito cansada e foi um grande alívio saber que eu não estava ali sozinha com meu filho. Na necessidade ou um imprevisto, eu sabia que aquele senhor entendia a minha situação e estava a disposição.

Que Deus abençoe as pessoas que, como ele, se importam e ajudam; a cada pequeno gesto elas nos mostram que a maternidade é uma benção e que as crianças são valiosas e dignas do nosso cuidado.

 

“Todo aquele que der ainda que seja somente um copo de água fresca a um destes pequeninos, porque é meu discípulo, em verdade eu vos digo: não perderá sua recompensa.”

Mateus 10, 42

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s